Notícias



07/05/07 - Educação Ambiental é a nova disciplina das Escolas Estaduais.


O anúncio foi feito pelos secretários de Educação, Nelson Maculan, e do Ambiente, Carlos Minc, o reitor da Uerj, Nival de Almeida, e a vice-presidente Educacional da Faetec, Maria Cristina Lacerda.

Será adotada a agenda 21 escolar no currículo.

A intenção do governo é incluir a educação ambiental durante uma das etapas mais importantes da formação do cidadão, a escolar.

Pretende-se tratar do assunto meio ambiente não apenas dentro de sala de aula, mas em situações práticas, como incentivar a reciclagem e geração de renda através do reaproveitamento do lixo, plantio de hortas orgânicas para enriquecer a merenda.

A Faperj disponibilizará cinco bolsas para os professores que coordenarão o projeto e a Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância vai oferecer 1.000 vagas, por semestre, em cursos de capacitação dos docentes que atuarão nas unidades escolares.

Pretende-se atender, inicialmente, de 80 a 100 escolas da rede estadual no segundo semestre. A iniciativa partiu do Colégio Estadual Antônio Golçalves em São João de Meriti, no ano passado, quando 50 docentes e funcionários de apoio receberam capacitação em educação ambiental e 25 colocaram em prática o tema, montando oficinas para os alunos.

Fonte: Jornal de Petrópolis, n° 537, de 05 a 11 de maio.


webTexto é um sistema online da Calepino
Marcos Criação