Notícias



Reciclagem recebe incentivos fiscais no Estado do Rio


A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou, em 20/08/14, em segunda discussão, o projeto de lei 2.588/09, dos deputados Luiz Paulo (PSDB) e Paulo Ramos (PSol). A proposta votada altera a Lei 4.178/03, que concede benefícios fiscais para empresas do setor de reciclagem e metal-mecânico que se instalarem em Friburgo. O votado texto estende os mesmos benefícios para os demais municípios do estado.


Entre eles está o diferimento do ICMS incidente sobre as importações de máquinas, peças, partes e acessórios destinados a integrar o ativo fixo das empresas, para o momento da alienação ou eventual saída desses bens. A lei também fala que o imposto será apurado de forma global no momento da venda dos produtos e só pode ser aplicado sobre a parcela do ICMS próprio devido pela empresa.


"Em 2003, o Poder Executivo sancionou esta Lei visando atrair para o estado investimentos de empresas do setor, propiciando o adequado aproveitamento do lixo não orgânico, com reflexos positivos para o meio ambiente. Entretanto, somente beneficiou Nova Friburgo", diz Luiz Paulo. Paulo Ramos completa: "Com o aumento dessa demanda em outros municípios, principalmente no Rio, é importante que a concessão prevista na Lei seja ampliada para fortalecer o objetivo do Governo do estado em seu propósito, e principalmente beneficiar o setor a fim de que seja mantida a subsistência de milhares de trabalhadores". 


Fonte: Alerj
http://www.alerj.rj.gov.br/

Publicado em 28/08/2014


webTexto é um sistema online da Calepino
Marcos Criação