Notícias



Projeto torna obrigatório interruptor em eletroeletrônicos para desativar standby


Tramita na Câmara o Projeto de Lei 1902/11, do deputado Leonardo Quintão (PMDB-MG), que torna obrigatória a existência de um interruptor nos eletroeletrônicos que operem no modo de espera, para permitir a interrupção completa do consumo de energia elétrica.

O autor lembra que os aparelhos, quando operam no chamado standby, permanecem consumindo energia. Ele afirma que, segundo a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), a permanência desses equipamentos no modo de espera pode representar um acréscimo de até 15% na conta de luz. "O consumidor tem seu orçamento doméstico sacrificado sem necessidade", argumentou.

Quintão afirma que esse tipo de consumo, em milhões de aparelhos, também impacta no sistema elétrico nacional. "Isso provoca o esvaziamento de nossas hidrelétricas e a custosa operação de termelétricas sem que produzam qualquer trabalho útil", disse.

Segundo a proposta, as empresas terão prazo de 120 dias para cumprir a lei, contados após sua promulgação.

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Fonte: Agência Câmara de Notícias

http://www2.camara.gov.br/agencia/noticias/CONSUMIDOR/207326-PROJETO-TORNA-OBRIGATORIO-INTERRUPTOR-EM-ELETROELETRONICOS-PARA-DESATIVAR-STANDBY.html

Publicado em 21/12/2011


webTexto é um sistema online da Calepino
Marcos Criação